Idema acelera pedidos de investidores no RN com vistas ao próximo leilão de energias

Airton Bulhões,

   O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema) vem intensificando os trabalhos de análise técnica e individual dos processos para próximo Leilão de Energia Nova “A-4”, que está previsto para ser realizado em 27 de junho, pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

  O Leilão compreende a participação das fontes renováveis eólica, solar fotovoltaica, termelétrica a biomassa e hidrelétrica constituindo uma força tarefa a fim de atender a demanda dos empreendimentos dentro do prazo determinado para participar do leilão.

 “Para atender os interessados em participar do Leilão, o Idema designou que a equipe do Núcleo de Energias concentrasse esforços na verificação dos processos. Devido a essa estratégia, conseguimos emitir a liberação das licenças ambientais em tempo hábil para credenciar os empreendimentos”, afirmou a coordenadora do Núcleo de Energia, Isabelle Morais.

  De janeiro a março de 2019 foram reemitidas 12 licenças, referentes a projetos que passaram por adequações. A partir da força tarefa, foram emitidas 7 Licenças Prévias para a atividade de fotovoltaica.

  “Em relação às empresas fotovoltaicas, o Rio Grande do Norte tem um potencial extraordinário comparado a outros estados, que é a presença do sol quase o ano inteiro. As expectativas de investimento nesta atividade são as melhores”, pontua o diretor geral do Idema, Leon Aguiar.

  Atualmente, são 151 parques instalados e mais de 1,5 mil aerogeradores em operação. O estado alcançou a capacidade instalada de 4 gigawatts de produção no mês passado, conforme anunciou o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). Depois do Rio Grande do Norte, o maior produtor é a Bahia, com cerca de 3,6 GW de capacidade, seguido pelo Ceará, com 2 GW.

SAIBA MAIS

No que diz respeito à atividade eólica foram liberadas 15 Licenças Prévias e 2 Licenças de Instalação. Dessas 17, 11 foram de processos que deram entrada nos anos de 2013 – 2018. Para os processos requeridos em 2019 foram emitidas 6 licenças. Com o trabalho desenvolvido pela equipe do Idema, 36 empreendimentos estão ap



Ministério do Turismo pode utilizar áreas da União para projetos turísticos

Airton Bulhões,

  Agora é oficial as áreas turísticas sob domínio da União, passem a ter sua gestão compartilhada entre os ministérios do Turismo e da Economia. A medida  tem como objetivo melhorar o ambiente de negócios do turismo e potencializar a atração de investimentos para o Brasil.

  Vai possibilitar o desenvolvimento de ações conjuntas para a regularização e utilização de imóveis - terrenos e edificações de domínio da União - com potencial turístico, bem como permitir o aproveitamento destas áreas para atração de investimentos e proporcionar o aumento o fluxo turístico nacional e internacional no Brasil, inclusive por meio de parcerias público-privadas.

Taí uma boa oportunidade para encaixar a Marina de Natal um projeto que se arrasta há mais de 8 anos pela burocracia de Prefeitura do Natal e depende de uma audiência pública sobre a ZPA7 que nunca foi realizada. Termina o mandato do prefeito Álvaro Dias e a exemplo da administração anterior ficou vendo navios.RUzAaib.jpg

  O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, comemorou a normativa. “Conseguimos chegar aos 100 dias de governo com a entrega de 100% das nossas metas e não poderia estar mais confiante de que estamos no caminho certo em direção a valorização do Turismo”, disse.

  De acordo com a Portaria, caberá ao Ministério do Turismo a identificação de áreas de domínio da União com potencial para o desenvolvimento do turismo. Após essa análise, a Pasta juntamente com a Secretaria de Coordenação e Governança do Patrimônio da União (SPU) realizará a devida destinação.

  A liberação da área acontecerá de acordo com sua disponibilidade, bem como projeto técnico para sua utilização, a ser analisado por ambos os órgãos.

  Também será de responsabilidade do MTur, a definição da forma de seleção pública que será realizada, assim como os modelos de negócios, valores, e outros pontos referentes aos contratos de destinação.

  Em contrapartida, caberá à SPU a formalização e gestão financeira dos contratos, além da fiscalização, dentre outros procedimentos técnico-operacionais, que serão detalhados em Instrução Normativa que será publicada nos próximos dias.

SAIBA MAIS

  A parceria com o MTur trará maior dinamismo para os procedimentos já realizados pela SPU, propiciando também a possibilidade de regularização de empreendimentos turísticos já existentes e a ampliação da arrecadação de receitas patrimoniais.



DER rasga a Constituição no direito de ir e vir para os permissionários de UBER

Airton Bulhões,

O absurdo dos absurdos está acontecendo com essa proibição de não permitir que UBEr vá transportar pessoas para o Aeroporto Aluízio Alves ou pegar passageiros que chegam a Natal. Fere o direito da Constituição no direito de Ir e Vir, onde já se viu isso. A nota que o DER deu para justificar tal proibição ir três vezes, inclusive de trás pra frente e confesso não entendi nada. Pior, botou a Polícia Militar no meio, que deveria estar procurando bandidos não ficar patrulhando trabalhadores.

 O DER alega que é uma fiscalização para verificar se os veículos correspondem aos quesitos de licenciamento e segurança, pura malandragem. Esse o lobby das entidades que comandam os taxistas de Natal e arredores.

  Construíram esse aeroporto no meio do nada, para transportar cargas e pouco coisa tem embarcado  por ali, pior ainda não tem passageiros para receber e os poucos que chegam não podem escolher seu meio de transporte.

   Derrubaram o aeroporto Augusto Severo  quando deveriam ter deixado para transportar voos charters  e agora,  agora vai virar museu. Quem Diabo vai sair de Natal para ver museu naquele Aeroporto ? Nada contra a cultura, mas esse acervo poderia ser colocado no Museu da Rampa enriquecendo o seu portfolio. Bom , mas isso é outra trincheira.

  Voltemos ao DER e nós passageiros que não arriscamos ir de carro particular ou desembarcar com algum familiar esperando no escuro às 2h, 3h, da madrugada arriscando sua vida. Por essa portaria peba e sem nexo.

  Tá tudo errado. Falta governo, falta pulso para evitar essas decisões tresloucadas que só trazem protestos, não apenas das centenas de pais de famílias que vem tendo o UBER uma forma de escapar do desemprego, mas de nós que precisamos viajar para embarcar pelo Augusto Severo e não podemos porque o DER inventou uma lei que  fere a Constituição.



Caixa começa a operar CREDMEI voltado para microempreendedores individuais

Airton Bulhões,

 A Caixa Econômica Federal é a primeira instituição a operar o CREDMEI, programa do Governo Federal voltado aos microempreendedores individuais que busca simplificar o acesso a produtos e serviços junto aos bancos credenciados.

  No Portal do Programa, os empresários podem fazer solicitações de forma eletrônica, utilizando seu computador ou smartphone para abrir contas e contratar cheque especial, cartão de crédito e máquina de cartão na Caixa.

  Segundo o vice-presidente de Clientes, Negócios e Transformação Digital da Caixa, Valter Nunes, a participação do banco no Programa está alinhada a seu posicionamento estratégico de ser líder neste segmento.

   "A parceria da Caixa reforça nosso compromisso de trabalhar para fortalecer os micro e pequenos negócios e demais empresas brasileiras, além de facilitar o acesso a serviços bancários para os empreendedores do país", comentou.

SAIBA MAIS

O Programa CREDMEI é uma estratégia da Subsecretaria Especial de Micro e Pequena Empresa, vinculada ao Ministério da Economia. O CREDMEI está disponível neste momento para as cidades de Brasília, Curitiba, Fortaleza, Manaus e Vitória. Em breve, a solução também estará disponível para outras cidades. A plataforma pode ser acessada no Portal do Empreendedor, no endereço http://www.portaldoempreendedor.gov.br.

Companhias aéreas defendem liberdade tarifária no Brasil

Airton Bulhões,

A Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR), a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) e a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) defenderam  a liberdade tarifária e a evolução da desregulamentação da aviação, durante audiência pública nesta quarta-feira na Comissão de Direito do Consumidor da Câmara dos Deputados.

 De acordo com as instituições, os avanços no ambiente regulatório geraram maior transparência no setor, com vantagens para consumidores e o setor aéreo no Brasil.

  O encontro aconteceu em Brasília com ampla presença de parlamentares, autoridades locais e representantes das companhias aéreas.

  O presidente da ABEAR, Eduardo Sanovicz, apresentou o atual cenário da aviação civil e destacou o que ele chamou de “grande agenda do turismo e do Brasil”: a retomada do crescimento econômico.

  “Vivemos de 2002 a 2014 um momento auspicioso da aviação. Temos 16 milhões de assentos disponíveis e agora precisamos criar um ambiente capaz de melhorar a competitividade nacional. Todos queremos superar a crise e fazer uma nova virada, vamos contribuir com o desenvolvimento do Brasil”.

  De acordo com Sanovicz, a aviação regional, tema de interesse da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Turismo ( Frentur) é uma questão ligada à demanda, custo e infraestrutura. Por isso, acrescenta ele, a necessidade de construir políticas públicas e investir na infraestrutura básica, destacando o modelo de concessões que gerou outro patamar para a aviação civil.

  O presidente da ABEAR citou, ainda, a revisão de tributos estaduais, como foi feito em Pernambuco, Ceará e Distrito Federal, que viabilizou a criação de novos voos e o fomento à cadeia da aviação e do turismo nas respectivas regiões.

zkWt155.jpg

Natal paga o pato com a crise no setor aéreo nacional

Airton Bulhões,

O panorama atual na aviação civil é um jogo em que todos saem perdendo: empresas em recuperação judicial, baixa concorrência, rotas que prejudicam o desenvolvimento econômico em várias regiões do país e passagens com preços muito elevados.

Essa é a realidade de como anda a aviação comercial brasileira na opinião do deputado federal João Maia (PR/RN)  presidente da Comissão de Defesa do Consumidor (CDC) durante audiência pública destinada a discutir problemas do setor aéreo, nesta quarta-feira, na Câmara dos Deputados.

  Segundo deputado o Rio Grande do Norte está entre os estados mais prejudicados, com poucos voos e disponibilizados em horários que obrigam a um pernoite até numa rápida viagem de negócios, aumentando o custo para o passageiro.

   O parlamentar destacou ainda que o turismo – vital para a geração de emprego e renda da região – está minguando.

  “Natal tem hoje um dos mais modernos aeroportos do Brasil, capaz de receber aeronaves de qualquer porte, mas está completamente subutilizado”, lamentou João Maia.

O presidente da CDC ressaltou ainda que o ideal seria as companhias aéreas low cost (baixo custo) não apenas levarem brasileiros para o exterior a preço convidativo, mas contribuírem para o fortalecimento de rotas nacionais, com benefício para o turismo local.

A audiência reuniu representantes das empresas, da Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

12NyX08.jpg

CERNE e UFRN fecham acordo de cooperação para atuarem juntos em projetos de pesquisas

Airton Bulhões,

 O Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CERNE) e a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) firmaram acordo de cooperar para trabalharem junto no fomento a projetos de pesquisas, palestras, cursos e outras iniciativas.

. O plano de trabalho inclui visitas e intercâmbio de profissionais para atividades voltadas à pesquisa, ensino, extensão e inovação, além de consultoria técnica e facilitação do acesso à infraestrutura das respectivas instituições.

  Entre as ações previstas no acordo estão a cooperação no projeto “Educação em Cidades Inteligentes”, na instalação do Parque de Ciência e Tecnologia da UFRN, em Macaíba, e na interação da universidade com entidades e associações do setor de energias renováveis.

  Segundo a reitora da UFRN, Ângela Maria Paiva Cruz, o acordo consolida e amplia a parceria entre as duas instituições. Ela também destacou a importância da cooperação para aproximar a instituição do setor produtivo visto que a universidade “produz novos conhecimentos, forma recursos humanos e gera processos e produtos que podem ser usados pelo setor de energias”.

O diretor-presidente do CERNE, Darlan Santos, complementou que a formalização do acordo viabiliza o apoio de pesquisadores para a ampliação das atividades em pautas de interesse nacional. “Vamos construir uma relação duradoura que traga benefícios ao nosso Estado, atualmente o maior produtor de energia eólica do país”, afirmou.

SAIBA MAIS

 Em 2019, a primeira edição do Ciclo de Debates será realizada nesta  quinta-feira (11) na Sala 4 da Escola de Ciência e Tecnologia (ECT) e tratará sobre energia acessível e limpa. O evento contará com a participação de especialistas, pesquisadores e empresários que apresentarão um panorama das energias renováveis no Rio Grande do Norte e no Brasil.

FEWjLiJ.jpg

Partage Norte Shopping anuncia novas operações e unidade smart da Casa Bahia

Airton Bulhões,

Mais cinco operações nos setores de alimentação, serviços, moda e pet vêm tornar o mix do Partage Norte Shopping ainda mais completo, oferecendo  desenvolvimento para a Zona Norte previsto para este mês e em maio

  As novas operações em seu mix são as Casas Bahia, RN Pet, Parmeggio, Polo Club e Esmalteria Nacional.

  As novas lojas consolidam o empreendimento como um dos mais completos da região, atendendo à demanda sempre crescente dos moradores da Zona Norte de Natal.

“A diversificação do mix de operações qualifica o Shopping e, consequentemente, a experiência de todos os consumidores da região”, conta Julio Macedo, diretor de Gestão e Marketing da Partage Shopping.

SAIBA MAIS

  A primeira operação a inaugurar é a Casas Bahia, que chega ao empreendimento com um novo formato de lojas físicas, chamado de Smart, que, além de ter espaço mais otimizado  também conecta a unidade física ao e-commerce. Administrada pela Via Varejo, a marca inaugura sua nova filial, na próxima quinta-feira, dia 11 de abril, no 1º piso do Partage, totalizando nove unidades, em sete anos de operação no Rio Grande do Norte.

  Para a inauguração, a rede está com condições especiais de pagamento, como parcelamento no cartão da Casas Bahia, em até 14 vezes sem juros, além do carnê, que oferece a possibilidade de dividir as compras em até 24 parcelas.

A nova loja Smart, do Partage Norte Shopping, conta com, aproximadamente, 360 m² de espaço e será a terceira deste conceito, inaugurada no Estado, que já conta com uma unidade na capital e outra em Mossoró.

  Outra novidade é o modelo de atendimento, no qual, assessores de vendas vão acompanhar a jornada de compra dos clientes, desde a apresentação dos produtos, até o pagamento, proporcionando um atendimento mais personalizado. O novo formato conta ainda com WiFi gratuito, no qual, os clientes terão à disposição banda larga de grande escala, facilitando a experimentação streaming de TV’s Smart, smartphones e games.

A  RN Pet vem completar o conceito Pet Friendly do Partage, oferecendo produtos, alimentação e cuidados para os pets.

  A franquia Esmalteria Nacional chega ao empreendimento trazendo mais modernidade e sofisticação aos serviços de manicure e pedicure.

   A rede Parmeggio oferece diversas opções de saladas, massas e culinárias de diversas partes do mundo. Fechando o pacote, com mais opções de moda, a marca Polo Club passa a integrar o time de moda masculina do equipamento.



Operadores de turismo internacional realizam famtour para conhecer atrações turísticas do RN

Airton Bulhões,

 Compradores internacionais de pacotes turísticos de países da América Latina, Europa e Ásia realizam famtour a partir de hoje e até 9 de abril em Natal, com visitas a pontos turísticos de Extremoz,  Extremoz, Maxaranguape e Tibau do Sul.

 Em Natal visitam o Centro Histórico de Natal, passeio de buggy nas Dunas de Genipabu, o mergulho nos Parrachos de Maracajaú e a Lagoa de Guaraíras.

 São  dez compradores representando grandes operadoras mundiais de turismo que escolheram o Rio Grande do Norte como destino de interesse para realizar futuras ações.  Na visita a esses municípios  conhecerão as belezas do RN suas potencialidades turísticas.

  Os países de origem dos operadores latino-americanos coincidem com os mercados prioritários para promoção turística do estado. O Reino Unido e a Noruega  estão incluídos nos novos mercados de expansão do destino RN.

  Todos eles estão presentes no Planejamento Estratégico de Marketing da Emproturn. Macau localizado próximo a China, possui o português como segundo idioma oficial, além de se enquadrar como mercado alvo da Embratur na promoção no Brasil na Ásia. 

  “A vinda desse grupo para o estado só foi possível graças a nossa participação na WTM Latin America com estande próprio, viabilizado pelo projeto Governo Cidadão. Essa presença nos colocou na vitrine do maior evento de turismo do Brasil e trouxe como resultado o fato de termos sido escolhidos por esses operadores, o que nos deixa muito satisfeitos”, conclui Ana Maria da Costa, secretaria estadual de Turismo. 

56QRi4W.jpg

Empresários de turismo pedem pressa ao Senado para votar a Lei Geral do Turismo

Airton Bulhões,

  Lideranças empresariais do segmento turístico nacional conduzidas pelo ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio foram recebidos pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre e pediram urgência na aprovação do Projeto de Lei que abre totalmente as companhias aéreas ao capital estrangeiro, atualiza a Lei Geral do Turismo  permitindo que empresas aéreas internacionais abram filiais no Brasil e passem a operar trechos domésticos.

Com mais de 200 milhões de habitantes, o Brasil tem, hoje, apenas quatro empresas operando no mercado de aviação.

  A título de comparação, Argentina e Colômbia, com menos de um quarto de habitantes e territórios que equivalem a um ou dois estados brasileiros, têm o dobro de companhias aéreas.

  A abertura ao capital estrangeiro já foi testada com sucesso em outros setores estratégicos como energia elétrica, telecomunicações, portos, aeroportos e saneamento básico.

As mudanças na Lei Geral do Turismo, por sua vez, atendem demandas históricas do setor produtivo. Elas agregam tendências do mercado e desburocratizam procedimentos para atuação dos prestadores de serviços turísticos.

  Fomento à pesquisa e à produção científica, incentivo às parcerias público-privadas, atenção aos serviços prestados a pessoas com deficiência e incorporação de segmentos de hospedagem fazem parte do projeto.

SAIBA MAIS

O projeto de lei 2724 (Lei do Turismo) foi aprovado por 329 votos contra 44 no último dia 20 na Câmara dos Deputados o momento com o marco para uma nova era do tiurismo brasileiro.

Participaram da audiência com o presidente do Senado  levados pelo ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, o presidente da Braztoa, Magda Nassar, presidente da Braztoa, entidade que representa os agentes de viagem; Marco Ferraz, presidente da Clia Brasil, que representa dos cruzeiros; Murilo Pascoal, presidente do Sindepat, que representa os parques temáticos; Alexandre Sampaio, presidente do conselho de Turismo da Confederação Nacional do Comércio; Guilherme Paulus, fundador da CVC, e Manoel Linhares, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH Nacional).

up00nmm.jpg

Idema libera mais de 500 licenças em projetos ambientais e licenciamento de parques eólicos

Airton Bulhões,

   O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente do Rio Grande do Norte (Idema/RN) informa que  desde o início do ano emitiu mais de 500 licenças. Além da demanda gerada no primeiro trimestre de 2019, os núcleos de licenciamento concluíram as análises de 158 processos referentes ao passivo ambiental de 2016 e 2017.

  O Núcleo de Apoio à Gestão Ambiental dos Municípios do RN-NAGAM  que no trimestre atendeu mais de 30 cidades, levando capacitações, oficinas e atendimentos aos gestores municipais.

  O Idema vem atuando fortemente no licenciamento para novos parques geradores de energia eólica no RN.

 No setor de energias e está prevista a instalação de cinquenta novos parques eólicos no RN até 2023, demandando investimentos da ordem de R$ 4 bilhões. Hoje existem 151 parques em funcionamento, produzindo 4 gigawatts, três vezes mais que a demanda interna. 

  O diretor geral do Idema, Leon Aguiar, afirmou que dentre os processos analisados, destacam-se licenças de interesse social, como as de pequenas barragens no município de Serra Negra do Norte, criadas na década de 80 sem a devida instrumentalização ambiental.

  Outro exemplo é a licença que permitirá a construção do aterro sanitário da região de Caicó. A obra beneficiará uma população de mais de 300 mil habitantes, atendendo os 25 municípios do Seridó.

SAIBA MAIS

   Na fiscalização ambiental do Estado, além de vistorias realizadas pelos fiscais do órgão e ações desempenhadas em parceria com a Companhia Independente de Proteção Ambiental (Cipam), o órgão reativou o serviço gratuito de recebimento de denúncias ambientais, e nestes três meses foram registrados mais de 250 casos através do serviço “Alô Idema” e  gerados 73 autos de infração. A ferramenta permite que a população formalize denúncias para coibir as infrações ambientais.



Empresa holandesa garante realizar voos charters direto de Amsterdan para Natal

Airton Bulhões,

Após a escassez de turistas provenientes em voos charters da Europa o governo estadual e prefeitura de Natal e a Fecomercio  têm a confirmação de voos ligando a Holanda e Natal a partir de novembro e até abril de 2020.

O voo charter Natal – Amsterdam terá duas frequências semanais, trazendo 360 passageiros a cada sete dias, por mês serão cerca de 1,4 mil turistas e quase 8,5 mil ao longo dos seis meses de operação. Estima-se que os turistas devem movimentar cerca de R$ 56,6 milhões na economia potiguar ao longo dos seis meses de operação.

   Diretores da empresa holandesa Corendon estiveram em Natal nesta segunda-feira  em uma audiência com a governadora do Estado, Fátima Bezerra; o prefeito de Natal, Álvaro Dias; representantes do setor turístico potiguar; e a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado (Fecomércio RN), representada pelo seu presidente Marcelo Queiroz.

  Mas não vai sair de graça a contrapartida para viabilizar o voo a Corendon pediu um aporte de 300 mil dólares, que serão utilizados para a divulgação do destino Natal nos mercados em que a companhia atua, nos mercados holandês, belga e do Oeste da Alemanha. O montante será repartido, 100 mil dólares da Prefeitura de Natal e 200 mil dólares do Governo do Estado, através do projeto Governo Cidadão.

  Os diretores da Corendon, Win Woelders e Sjoerd de Kot anunciaram que a empresa vai arcar com 70% dos custos da campanha publicitária que será lançada na Europa no dia 6 de abril, cabendo os 30% restantes aos parceiros potiguares.

   Para o presidente da Fecomércio, Marcelo Queiroz a participação financeira tanto da Prefeitura como do Governo do Estado para investimento em publicidade é o pontapé para essa operação, de atrair turistas europeus ao estado. Os visitantes, estando aqui, irão injetar recursos na nossa economia, com a arrecadação de tributos, gerando empregos diretos e indiretos, movimentando pelo menos os 52 segmentos da cadeia econômica do turismo.

xYrlTCl.png

Redução de ICMS de querosene de avião pelo RN não trouxe benefício nenhum para o turismo

Airton Bulhões,

 Conhecem aquela história de que “conversa fechou a cova da Onça”, um boteco desses de reunir os que gostam da “branquinha” no Centro de Natal ? Acudam-me  os nossos historiadores, pois é assim  esse “migué” que as companhias aéreas deram no Governo do Estado com a conversa da redução do ICMS para querosene de aviação trazer mais voos para o Rio Grande do Norte que nunca deslanchou..

  O governador do Estado na época Robinson Farias deu um cheque em branco para as companhias aéreas,  mas nunca exigiu papel assinado  para trazer os voos para o Rio Grande do Norte e virou conversa de” cova da onça”: piorou, além da falta de voos os preços dos bilhetes são proibitivos para quem deseja viajar de Natal para outros pontos do País.

   Passageiros preferem viajar até João Pessoa porque sai mais barato comprar uma passagem de avião ´para o Rio de Janeiro, São Paulo do que arriscar fazê-lo por Natal. Para passear  em  Fernando de Noronha o jeito é embarcar por Recife, economia grande no caso de um casal chega até R$ 1000,00.

  Como disse o presidente da  Associação das Empresas  Aéreas (Abear), Eduardo Sanovicz ao dar entrevista à Tribuna do Norte: ‘temos um nó para resolver, nessa questão d a redução de ICMS sem contrapartida”. Sanovicz  culpa a crise que o setor nacional vive e espera uma reação favorável a partir deste ano.

  Sanovicz não soube explicar essa história da redução da alíquota do ICMS no Rio Grande do Norte do querosene: perda de R$ 36 milhões anual no caixa do governo estadual e nem um benefícios e o pobre do estado rico que somos.

SAIBA MAIS 

Segundo a Abear  no primeiro bimestre, o transporte aéreo de passageiros no país acumula aumento de 4,73% na demanda, com oferta em alta de 3,97%, nas comparações anuais. A ocupação dos aviões teve leve alta de 0,60 ponto percentual, chegando em 83,36%. O total de passageiros transportados no período foi de 16,3 milhões, alta de 4,77% em relação ao mesmo período de 2018 (acréscimo de pouco mais de 740 mil passageiros).

   



Finep e Sebrae RN fazem aporte de R$ 2,8 milhões para apoiar empresas

Airton Bulhões,

   O Sebrae RN e a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) firmaram parceria para disponibilizar recursos da ordem de R$ 2,8 milhões para capacitar e apoiar financeiramente essas empresas já estabelecidas e novas startps potiguares que terão um incentivo financeiro para implementar projetos inovadores.

  A solenidade de formalização e o pré-lançamento dos editais ocorrem nesta segunda-feira (1º), às 16h30, no Instituto Metrópole Digital.

  Serão abertos dois editais para incentivar a inovação tecnológica. O primeiro é o Edital Centelha, que terá R$ 800 mil, sendo R$ 600 mil investidos pela Finep e outros R$ 200 mil oriundos do Sebrae-RN, para apoiar a geração empreendimentos inovadores, com ações de inovação e melhoria de produtos e processos.

  As startups selecionadas no edital receberão mentoria até a fase de contratação dos projetos, quando o recurso será repassado aos empreendedores.

  Os setores prioritários para serem atendidos pelos editais Alimentos e Bebidas, Casa & Construção, Têxtil & Moda, Energias, Turismo, Saúde & Beleza, TI, Economia Criativa e Bioeconomia.

   Durante a solenidade, ocorrerá a assinatura do Protocolo de Intensões para formação do Comité Técnico de suporte aos Editais FINEP, formado por integrantes do Sebrae, Fiern, Faern, Funpec, Repin e Parque Tecnológico.



Natal ganha escritório Axios Agente Autônomo credenciada à XP Investimentos

Airton Bulhões,

    Natal vai ganhar a partir de abril um novo modelo de assessoria de investimentos credenciada à XP Investimentos, uma das maiores empresas do segmento no Brasil -   escritório Axios Agente Autônomo de Investimentos.

  Para o lançamento da Axios previsto para 24 abril a um grupo seleto de convidados no restaurante Nau a economista e colunista do jornal Estado de São Paulo, Zeina Latif, fará uma palestra sobre “Oportunidades no atual cenário econômico”.

  A XP Investimentos é uma corretora de valores brasileira, considerada uma das maiores corretoras independentes do Brasil. Em janeiro e fevereiro de 2010, foi a corretora que mais negociou ações no sistema da BM&FBovespa.



Grupo Guararapes que controla as Lojas Riachuelo tem lucro de mais de R$ 1 bilhão em 2108

Airton Bulhões,

      A Guararapes Confecções S.A. controladora da rede varejista Lojas Riachuelo, mais que dobrou o lucro no acumulado de 2018, fechando em R$ 1.235,7 milhões, em relação com o ano anterior.

   No quarto trimestre, a companhia obteve um lucro líquido de R$ 1.012,1 milhões, crescimento de 209,5%. Mesmo em um ano desafiador, a companhia demonstra um desempenho sólido, reflexo de uma performance consistente e do processo de busca contínua de produtividade adotado no decorrer dos últimos anos. A Guararapes começou com o empresários Nevaldo Rocha e dando continuidade pelo filhos. Nevaldo e Flávio Rocha comemorando mais um balanço favorável do grupo.BWQgqH4.jpg

  Os resultados foram beneficiados pelo crescimento de 11,6% da receita líquida, frente ao reportado no 12M17, totalizando R$ 7.192,6 milhões, junto com a preservação da margem bruta de mercadorias e a forte diluição das despesas operacionais, que teve redução de 3,4 p.p, no quarto trimestre de 2018, comparado ao mesmo período do ano anterior.

   O que contribuiu, também, para a expansão de margem EBTIDA que obteve alta de 98,7% na comparação do quarto trimestre, fechando em R$ 1.075,5 milhões, e totalizando em R$ 1.701,3 milhões, com crescimento de 43,1%, no acumulado de 2018, frente ao ano de 2017.

  De janeiro a dezembro de 2018, a companhia inaugurou onze lojas, totalizando 312 unidades. E como parte dos investimentos contínuos, o Grupo Guararapes teve capex total de R$ 385,7 milhões em 2018, desses R$ 346,3 destinados a Riachuelo, sendo R$ 121,3 milhões alocados em remodelações, R$ 63,7 milhões em lojas novas e R$ 87,7 milhões em infraestrutura de TI.

Midway Financeira

  A companhia encerrou o quarto trimestre de 2018 em linha com o esperado pela companhia e em conformidade com o estoque de provisão anual. O nível de perda do cartão Riachuelo encerrou o trimestre em 7,3%, ante 7,9% reportado no 4T17. A carteira de tal operação totalizou R$ 689,4 milhões, alta de 82,1%, o que sinaliza a retomada dos volumes de concessão do empréstimo pessoal.

  No acumulado de 2018, o resultado da operação financeira alcançou R$ 419,4 milhões, 15,9% maior que no ano anterior. O ticket médio do Cartão Riachuelo teve alta de 2,1%, no mesmo período, e a base total de cartões atingiu 31 milhões de plásticos private label, sendo 484,9 mil unidades emitidas somente no quarto trimestres de 2018.



Metrópole Digital faz chamada para startups, empresas de TI grupos de pesquisa e consórcios

Airton Bulhões,

    Será anunciado nesta sexta-feira pela Softex, em parceria com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), no Instituto Metrópole Digital (IMD) em Natal, a abertura da chamada pública de inscrições para startups, empresas de TI, grupos de pesquisa e consórcios de empresas interessados em participar do  Programa TechD apoio a tecnologias emergentes focadas em quatro linhas temáticas: IoT, Saúde, Energia e Mobilidade.

Com recursos da ordem de R$ 18 milhões, sua missão é fazer a ponte entre o universo empreendedor e o de pesquisa por meio da integração e da maior convergência entre startups, centros de P&D, universidades e empresas já consolidadas no mercado.

A meta é apoiar no mínimo 30 projetos, dos quais 14 devem ser das regiões Nordeste, Norte e Centro-Oeste.

“Nos últimos cinco anos, o ecossistema de empreendedorismo e inovação do Rio Grande do Norte, especialmente na capital potiguar, vem ganhando muita força e expressividade” destaca Anderson Paiva Cruz, diretor do Parque Tecnológico Metrópole Digital.

Atualmente, o Estado possui 20 incubadoras, com mais de 180 empreendimentos sendo apoiados ou já graduados.

SAIBA MAIS

Como parte do Programa TechD, já foram firmados 22 acordos com Instituições de Pesquisa Científica e Tecnológica (ICTs), universidades e centros de P&D distribuídos por 13 estados que proverão suporte tecnológico aos projetos selecionados e selecionadas 36 empresas de grande e médio porte para teste das tecnologias que serão desenvolvidas neste contexto de inovação aberta.

Nessa chamada do TechD, startups, empresas de TI, grupos de pesquisa e consórcios de empresas também deverão apresentar uma estratégia para ampliação de mercado nacional e internacionalização. O Programa visa proporcionar parcerias internacionais para aprimoramento da tecnologia e desenvolvimento de negócios fora do país.

O programa prevê a concessão de recursos de até R$ 500 mil de subvenções somados a possíveis investimentos de até 2 milhões que as empresas já habilitadas aportarão por projeto de tecnologia selecionado.



Natal reúne oftalmologistas de todo País para discutir avanços tecnológicos nessa especialidade

Airton Bulhões,

Natal vai sediar a partir desta quinta-feira e até sábado o 25º Congresso Norte-Nordeste de Oftalmologia que terá como tema “Inovações Tecnológicas”.

  É esperada a participação entre 800 e 1.000 médicos  vindos de todas as regiões do Brasil. É uma oportunidade para atualização a respeito dos temas ligados a uma das áreas da medicina que mais evoluíram nos últimos 50 anos e é uma das três especialidades médicas mais procuradas entre os futuros profissionais de saúde. À frente da presidência do evento estão os especialistas Marco Rey e Nelson Galvão.

. O evento acontece no SERHS Natal Grand Hotel e terá uma vasta programação científica durante os três dias, além de apresentações de trabalhos científicos com defesas orais e pôsteres.

  Serão discutidos, entre outros assuntos, as novidades em nível mundial no que diz respeito ao tratamento e procedimentos cirúrgicos para doenças como catarata, glaucoma, miopia, olho seco, tumores oculares, estrabismo e descolamento de retina.

  Também será tratado sobre como as inovações tecnológicas têm sido utilizadas na oftalmologia, os algoritmos para indicação de cirurgias refrativas, a nova era das cirurgias 3D, o que há de novo no transplante de córneas e inteligência artificial em oftalmologia, entre outras iniciativas.

SAIBA MAIS

  O oftalmologista potiguar Francisco Irochima Pinheiro desenvolveu junto com sua equipe um aplicativo que, através de um hardware acoplado ao smartphone, é capaz de fazer o diagnóstico de Ceratocone – doença que promove a degeneração da córnea e é a principal causa de transplantes de córneas.

  Para isso, basta fazer uma foto do olho do paciente. É também de autoria dele uma impressora em 3D que permite que as mães cegas possam sentir o feto durante os exames de ultrassonografia. E, junto com o colega também potiguar Marco Rey, desenvolveu uma pinça que reduz o uso do ultrassom durante os procedimentos cirúrgicos de catarata.



Fórum de Turismo RN analisa os altos valores das passagens aéreas cobrados para Natal

Airton Bulhões,

Empresários e dirigentes de empresas nacionais do setor aéreo estarão analisando durante a realização da 10º Fórum de Turismo do RN os altos valores de passagens aéreas cobrados para Natal.

O evento acontece nos dias 29 e 30 de março no Centro de Convenções onde paralelamente se realizará a 5ª Feira dos Municípios e Produtos Turísticos do RN (Femptur)

  O Fórum traz no painel de abertura, o tema “O RN vai decolar – como incrementar a malha aérea para Natal”, em duas palestras: “Integração dos aeroportos na cadeia produtiva do Turismo”, com o gerente de Desenvolvimento do RIOgaleão, Bruno Reis e “Os gargalos da aviação comercial brasileira”, com o presidente da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), Eduardo Sanovicz,

  Para debater os temas o diretor de Novos Voos da Inframérica, Roberto de Oliveira; da secretária de Turismo do RN, Ana Maria Costa; do presidente da ABAV-RN, Abdon Gosson e do presidente da ABIH-RN, José Odécio.

 “Este é o momento oportuno para o debate, uma vez que as passagens para Natal estão entre as mais caras do país. Despertando questionamentos e preocupações no cenário econômico e turístico da região, além de fazer migrar para os estados vizinhos em busca de preços mais viáveis, afetando, assim, toda uma economia”, ressalta o jornalista Antônio Roberto Rocha um dos organizadores do evento.

 Psquisas recentemente liberadas mostram que há passagens com cerca de 50% de diferença saindo de João Pessoa. Vale lembrar que o número de voos com saída de Natal é superior ao de João Pessoa e mesmo assim, o valor partindo da capital potiguar é mais elevado.

  Sobre a  Femptur o visitante poderá conhecer detalhes dos destinos turísticos e ainda comprar pacotes promocionais para apreciar melhor o RN; adquirir produtos legitimamente potiguares, como queijos, manteigas, cachaças, doces de frutas, biscoitos, castanhas, entre outras delícias. E, para quem é fã de artesanato, obras de arte e quadros fotográficos também estarão à venda.

Tudo regado a uma boa gastronomia e atrações culturais dos vários municípios que participam dessa iniciativa.

O evento organizado pela Argus Evento conta com apoio da Prefeitura do Natal, Governo do Estado, Sebrae/RN, Fecomércio/RN, Banco do Nordeste, DataShow, SERHS Natal Grand Hotel e InterTV.

SAIBA MAIS

Eventos:

10º Fórum de Turismo do RN e 5ª Feira dos Municípios e Produtos Turísticos do RN

Data: 29 e 30 de março (sexta e sábado)

Horário: 14h às 22h (Femptur) e 14h30 às 18h30 (Fórum)

e3lnGOw.jpg

Campanha “Tudo Começa Azul” tem aumento de 40% vendas de passagens para o RN

Airton Bulhões,

   A campanha “Tudo Começa Azul” que traz em sua revista de bordo nos aviões da companhia a capa e matérias sobre os nossos pontos turísticos tem avaliação positiva. Segundo a gerente comercial da Azul, Izabella Lessa se avaliar o período de 2018 sem a campanha e o de 2019  de setembro a fevereiro com a campanha os números são extremamente positivos com mais de 40% em vendas.

  A campanha realizada desde setembro e que chega ao fim nos meses de março e abril traz ótimos resultados para o turismo do RN.nHGi4c7.jpg

.  Ao todo foram 12 cidades percorridas com workshops de capacitação para mais de 1.200 agentes de viagens, além de anúncios nas quatro primeiras edições da Azul Magazine de 2019 e o bônus de ter o Rio Grande do Norte na capa da revista de março.

  A Azul Linhas Aéreas já sinalizou que tem interesse em renovar a campanha diante dos resultados positivos.

  A campanha realizada  em Campinas, São Paulo, Curitiba, Porto Alegre, Belo Horizonte, Uberlândia, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, Presidente Prudente, Recife, Cuiabá e Goiânia recebeu palestras sobre o potencial turístico do Rio Grande do Norte e sua infraestrutura hoteleira, além de rodadas de negócios com representantes dos resorts e hotéis participantes da campanha.

  O destaque foi para o estado de Minas Gerais, na região Sudeste do Brasil. “Em um dos voos operados de Belo Horizonte para Natal foi preciso trocar uma aeronave de 118 lugares para uma de 174. Além disso, metade dos agentes de viagem que mais venderam o destino é oriundo de Minas, o turista mineiro, tanto da capital quanto do interior, se encantou pelo estado e está viajando para o Natal” salientou Izabella.

SAIBA MAIS

  O Governo do Estado através da Setur / Emprotur, com recursos do projeto Governo Cidadão, investiu em anúncios nas revistas de bordo Azul Magazine que mostraram as belezas e atrativos de Pipa, Mossoró, São Miguel do Gostoso e Natal.

 

  A matéria sobre São Miguel do Gostoso e Touros foi uma decisão editorial da empresa que acabou se somando a campanha. Em nove páginas, a Magazine se dedica a falar sobre as paradisíacas praias dos dois municípios, destacando a sua gastronomia, vida noturna, artesanato e os bons ventos para a prática de esportes náuticos.

  Foram seis meses de workshops, capacitando agentes de viagem em cidades que já são grandes emissores de turistas para o RN e atingindo regiões estratégicas, com foco no aumento do fluxo.

  As ações da campanha “Tudo Começa Azul” foram realizadas por meio de uma parceria da Azul com o Governo do Estado, através da Secretaria Estadual de Turismo (SETUR) e Empresa Potiguar de Promoção Turística (EMPROTUR), Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do RN (ABIH-RN), Secretarias de Turismo de Natal e Mossoró, e apoio da Luck Recepetivo.


1-20 de 1769